Assembleia Regional aprova voto de pesar do PS pelo falecimento do Presidente do Parlamento Europeu

PS Açores - 12 de janeiro

A Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores aprovou esta quarta-feira um voto de pesar pelo falecimento do Presidente do Parlamento Europeu, David Sassoli.

David Sassoli faleceu no passado dia 11 de janeiro, vítima de uma disfunção do seu sistema imunitário, na sequência de uma pneumonia contraída em setembro do ano passado.

Para além do seu percurso político, David Sassoli, membro Grupo Parlamentar dos Socialistas e Democratas (S&D) de Centro-Esquerda, foi também um popular jornalista e apresentador de televisão na emissora pública italiana RAI.

No voto, apresentado pelo Presidente do Grupo Parlamentar do PS, Vasco Cordeiro, salientam-se as medidas extraordinárias que implementou e que “permitiram ao Parlamento Europeu desempenhar as suas funções e exercer as suas prerrogativas durante a pandemia, ao abrigo dos Tratados”.

Vasco Cordeiro realçou, também, a postura de David Sassoli, que exerceu “a sua influência na defesa de um Orçamento de longo prazo da União Europeia ambicioso, que contemplasse eficazes mecanismos de recuperação económica pós-pandemia”.

O líder parlamentar dos socialistas Açorianos sublinhou a “grande solidariedade que David Sassoli demonstrou para com os menos afortunados no início da crise pandémica”, ao “colocar o Parlamento Europeu ao serviço dos mais desfavorecidos, com ações como a distribuição de refeições a associações de caridade e a utilização de edifícios do Parlamento Europeu para o acolhimento de mulheres vítimas de violência”.

Classificando como “a síntese ótima do futuro da União Europeia”, Vasco Cordeiro citou um excerto da intervenção de David Sassoli perante o Conselho Europeu no passado mês de dezembro "do que a Europa precisa - e precisa acima de tudo - é de um novo projeto de Esperança. Penso que podemos construir esse projeto com base numa abordagem robusta, com três vertentes: uma Europa que inova; uma Europa que protege; e uma Europa que ilumina".

“O Presidente Sassoli deixa também um legado através dos abrangentes reptos à reflexão que lançou aos Eurodeputados, para reforço da democracia parlamentar”, lembrou o líder parlamentar do PS/Açores, Vasco Cordeiro.

O voto de pesar do PS/Açores foi aprovado por unanimidade.