Com Bárbara Chaves a autarquia não ficará em silêncio quando o Governo excluir Santa Maria do transporte marítimo, garante Vasco Cordeiro

PS Açores - 18 de setembro

O Presidente do PS/Açores, Vasco Cordeiro, garante que com Bárbara Chaves na presidência da Câmara Municipal de Vila do Porto, Santa Maria não vai “ficar para trás” e a autarquia não ficará em silêncio quando o Governo desmerecer projetos importantes para a ilha, ou excluir os marienses do acesso ao transporte marítimo de passageiros e viaturas.

Vasco Cordeiro lamenta que se assista, nos últimos tempos, “a um certo desmerecer de projetos que são essenciais para o futuro de Santa Maria” e que haja “um silêncio que não se compreende por parte dos órgãos autárquicos” face a decisões prejudiciais para a ilha. Defende por isso, que “candidatura da Bárbara Chaves é a liderança que Santa Maria precisa para não ficar para trás.

“Não ficar para trás quando é confrontada com um silêncio sobre o projeto espacial, não ficar para trás quando é confrontada com a sua exclusão do transporte marítimo de passageiros e viaturas nos próximos dois anos. Isso é um atentado à Coesão Regional e, para manter Santa Maria no contexto regional, para não deixar que Santa Maria fique para trás, o voto certo nestas eleições autárquicas é o voto na Bárbara Chaves”, acrescentou esta sexta-feira durante uma ação de campanha em Santa Maria.

Para o Presidente do PS/Açores é importante ter no Município quem contrarie, quer a desvalorização que está a ser feita do Space Port – “o projeto espacial é um projeto estruturante para Santa Maria, é estruturante inclusive para a Região, mas estamos a falar de Santa Maria” -, quer “a decisão relativa à exclusão de Santa Maria do transporte marítimo de passageiros e viaturas, durante os próximos dois anos”.

“É algo de absolutamente incompreensível e não se vê naqueles que estão atualmente responsáveis pela gestão autárquica da ilha, bem como naqueles que se lhes propõe seguir, a vontade, a firmeza e a liderança que e necessária para não deixar Santa Maria para trás. Essa vontade, essa firmeza e essa liderança é assumida de forma clara e inequívoca pela Bárbara Chaves e pela candidatura do Partido Socialista”, sublinhou.