“Corvinos querem melhor coordenação no transporte de mercadorias” – Lubélio Mendonça

PS Açores - 22 de agosto

Lubélio Mendonça realçou, esta segunda-feira, que o serviço de transporte de mercadorias para a ilha do Corvo está a prejudicar os Corvinos, que querem melhor coordenação, apelando ao Governo Regional para que corrija estas insuficiências e garanta um bom serviço.

O deputado do PS eleito pelo círculo eleitoral da ilha do Corvo falava na sequência de mais uma falha na descarga de mercadorias naquela ilha, na passada sexta-feira, uma situação que “tem vindo a repetir-se”.

Lubélio Mendonça alertou que estas falhas de abastecimento ao Corvo estão a “transtornar a vida desta ilha”, e também a “provocar prejuízos aos Corvinos”.

“O Governo Regional anunciou o Thor como ‘um navio do outro mundo’, mas a realidade veio demonstrar muitas falhas no serviço”, frisando que isso é particularmente grave quando esta operação “custa mais de 3 milhões de euros por ano à Região, incluindo o aluguer, combustível, taxas portuárias e outros encargos”.

Para o deputado do PS, as falhas de serviço verificadas são “injustificáveis” e “devem ser corrigidas”.

“Não se pode deixar as pessoas à espera da carga no cais, durante várias horas, só para que vejam o navio seguir rumo às Flores”, sinalizou.

“Estas falhas não podem continuar, estão a causar muitos constrangimentos aos Corvinos e à sua frágil economia. Não é aceitável que os Corvinos assistam à sua carga chegar à ilha do Corvo, vejam que não é descarregada e que a vejam ir passear à ilha das Flores, para regressar noutro dia. Isto é uma falta de coordenação e de organização que pode e deve ser corrigida, de forma a bem servir os Corvinos”, considerou o deputado socialista, Lubélio Mendonça.