Deputados do PS Açores defendem que Bombeiros devem ser vacinados na primeira fase

PS Açores - 25 de janeiro

Os deputados do Grupo Parlamentar do PS/Açores, eleitos pela Ilha Terceira, reuniram, esta sexta-feira, com os responsáveis das Associações de Bombeiros de Angra do Heroísmo e da Praia da Vitória. “Este foi mais um encontro que nos permitiu debater, neste caso com as Associações Humanitárias e Corpos de Bombeiros, sobre as prioridades que existem, principalmente, nesta fase de pandemia que tem exigido destes profissionais um esforço acrescido”, afirmou Tiago Lopes.

Os deputados do PS/Açores acompanham a reivindicação dos Bombeiros da Região que pretendem ser incluídos na primeira fase da vacinação contra a Covid-19: “Essa foi uma preocupação expressa nas reuniões que temos tido, e que para o Partido Socialista dos Açores, é fundamental que se dê resposta”.

“Apesar dos aumentos nos apoios financeiros que se verificaram na última legislatura, importa assegurar que o Orçamento dos Açores para 2021 dá continuidade a essa política de reforço de apoios financeiros, mas também ao nível dos recursos humanos, na aquisição de equipamentos de proteção individual e na aquisição de novas viaturas de combate a incêndios”, sublinhou o parlamentar.

Tiago Lopes referiu, também, “a importância dos investimentos feitos nas instalações das Associações de Bombeiros da Região”, em várias ilhas, como foi o caso de Santa Maria, Flores, Pico, Faial, São Miguel e também na Terceira, “com a ampliação e remodelação das instalações da secção destacada dos Altares” que permitiu melhorar as condições de funcionamento e operacionalidade.

A nível de equipamentos, recordou “o investimento de cerca de 1 milhão e 500 mil euros para a aquisição de 30 ambulâncias em toda a Região” e, acrescentou, o “equipamento de salvamento e desencarceramento atribuído ao Corpo de Bombeiros da Praia da Vitória”, entre outras aquisições que “permitiram melhorar o trabalho desenvolvido pelas corporações”.

Agora, defendeu Tiago Lopes, “tendo em conta as exigências que se colocam aos Bombeiros da Região, o Partido Socialista considera que as corporações devem continuar a ver reforçados os apoios financeiros para as despesas com equipamentos, formação e serviços prestados às unidades hospitalares”.